MEC cria Novos indicadores de qualidade da educação superior brasileira

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, anunciou ontem a criação do Grupo de Trabalho de Avaliação do Desempenho da Educação Superior (Gtaes), composto por 15 entidades, o grupo faceu.org.broi criado para instituir novos indicadores de qualidade da educação superior brasileira, o grupo terá entre 30 e 60 dias para apresentar os ajustes finais de todo esse processo, o Fórum das Entidades Representativas do Ensino Superior Particular, fará parte do Grupo de trabalho
Foram criados os seguintes indicadores:

  • Indicador de Desempenho no Enade (IDE)
  • Indicador de Trajetória dos Estudantes de cursos de graduação (ITE)
  • Indicador de Desenvolvimento do Corpo Docente (IDCD)
  • Índice de Desempenho dos Cursos – IDC (criado, em substituição ao CPC)
  • Indicador de Desempenho de Extensão (IDEx)
  • Índice de Desempenho Institucional – IDI (em substituição ao IGC)

Vale ressaltar que não podemos aceitar as mudanças nos indicadores sem antes analisarmos os mesmos.
Durante a coletiva o ministro anunciou novas regras para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). As mudanças são válidas já para o processo seletivo do segundo semestre deste ano, antecipado para 14 de junho.
A partir de maio estará disponível em um portal oficial do Ministério da Educação todos os diplomas de graduação.
Segue abaixo link com a apresentação do ministro sobre as novas regras do Fies e o novo ENADE

ap_fies_processo_seletivo_2_2016

Novo Enade (3)1

Deixe um comentário

*

captcha *